segunda-feira, 28 de setembro de 2015

ATENÇÃO EDUCAÇÃO DE BÚZIOS!!! É AMANHÃ!!!

Amanhã, a partir das 8h, acontece o Fórum de Discussão do PCCS no Cine-Teatro no INEFI, na Rasa.
Participe!!!


sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Assembleia de Cabo Frio: governo se articula, 
mas perde as duas suplências do Fundeb


A assembleia realizada ontem à noite na Escola Municipal Edilson Duarte, em Cabo Frio, teve a casa cheia. Pela primeira vez quase 100 representantes do governo foram “prestigiar” um encontro da categoria, provavelmente a “pedido” do prefeito.
Apesar da pauta da assembleia ter vários itens pertinentes aos interesses da categoria, os representantes do governo tumultuaram o encontro e mostraram, claramente, que a única preocupação era a eleição para o Conselho do Fundeb. Atitude até compreensível, uma vez que o governo teve as contas reprovadas por dois anos seguidos.
Mas, apesar da maioria, o governo perdeu as duas suplências do Fundeb. O Conselho eleito vai atuar no biênio 2016-2017.
O SepeLagos mostrou mais uma vez o que é democracia. Mesmo sabendo e vendo que os quase 100 representantes do governo só queriam atrapalhar a assembleia, abriram a palavra para todos os presentes, mas, como era de se esperar, poucos fizeram o uso da palavra, pois só estavam ali para eleger as indicações do governo.

O sindicato parabeniza cada um dos guerreiros que acompanham nossas lutas constantemente. Ao mesmo tempo, se coloca solidário aos quase 100 representantes do governo, obrigados a exercer um papel tão triste, pois não podem valer suas vontades. Por este motivo, lutamos pela realização de concursos públicos, para acabar de vez com esse regime ditatorial, onde “manda” quem pode e obedece quem tem juízo!







quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Convocação de Assembleia

Participe do movimento e faça a diferença!
Assembleia nesta quinta-feira às 18h!!!

A luta continua!


sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Sem luta não há vitória: confira as novas conquistas do SEPE


Na tarde de quinta-feira (17/09), o Sepe esteve em audiência com representantes da SEEDUC. Veja a pauta da reunião e o que ficou decidido:

- Sábado letivo: passa a ser facultativo e as faltas em sábados anteriores serão abonadas;

- Nenhuma disciplina com menos de 2 tempos: será realizada reunião especifica na SEEDUC no dia 23/09 (quarta-feira) às 10h, sobre disciplinas com menos de 2 tempos. Foi garantida a presença de dois representantes de Sociologia e Filosofia;

- Uma matrícula, uma escola: a SEEDUC fará levantamento de profissionais que estão em mais de uma escola e passarão o resultado. O Sepe mantém a posição de que todos os profissionais devem estar incluídos na proposta de somente uma matrícula por escola. Foi marcada uma nova reunião para o dia 05/10 às 14h para esse tema.

- 1/3 de planejamento: o Sepe ressaltou que esta questão já foi vencida na Justiça e cobrou o cumprimento da lei. Além disso, exigiu o fim da obrigatoriedade do dia extra de planejamento. Foi marcada nova reunião para o dia 29/10 às 14h para tratar desse tema;

- Dia extra de planejamento: a representação da SEEDUC afirmou que fará uma reavaliação da situação e dará uma resposta para a direção do Sepe no dia 23. Reafirmou ainda que o planejamento não pode ser imposto pela direção da escola.

- SAERJ: o Sepe cobrou o fim da obrigatoriedade do uso da nota da prova e reiterou que a autonomia do profissional de educação deve ser respeitada. A secretaria vai analisar a proposta e dará resposta na próxima semana, no entanto afirmou que decisão sobre o valor da pontuação do SAERJ na média dos alunos cabe ao professor;

- Abonos: questionada com relação aos abonos das greves e paralisações de 1993 e 2015, a SEEDUC informou que a retificação da publicação já está na casa civil e será publicada no D.O. até o fim do mês;

- Foi garantido abono para participação no Seminário Estadual de Educação que será realizado no dia 27/10;

- Foi também garantido o código 61 para os que fizeram paralisação nesta 4ª feira, dia 16/09.


quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Mais uma vitória do SepeLagos!!!


Depois de três meses de greve em Arraial do Cabo pela implantação do Plano de Carreira do município e realização do concurso público, os servidores conseguiram uma grande vitória: a Câmara Municipal aprovou a criação de cargos na administração pública para a realização do concurso. Além dos movimentos de rua, o SepeLagos denunciou a situação no Ministério Público e no Tribunal de Justiça.

Continuamos avançando na luta!