sexta-feira, 31 de março de 2017

COMUNICADO IMPORTANTE:

A Coordenadora Geral do SEPE Lagos, Maria Júlia, a diretora de imprensa Denise Soares Teixeira, e a diretora de assuntos Jurídicos Débora Naval, foram atrás de respostas para o descumprimento do acordo quanto ao pagamento atrasado.
As diretoras foram à Secretaria de Fazenda e atendidas pelo secretário Clésio Guimarães, onde receberam a informação de que a ordem de pagamento chega fechada até ele, sem nomes. Ele informou que não havia mais ordem de pagamento da educação para hoje e que havia dinheiro. Informou ainda que se chegar a ordem até às 16h, dá tempo de ordenar a despesa a fim de enviar ao banco na segunda e pagar na terça.
Saíram de lá e foram à Secretaria de Educação, onde foram recebidas pela Secretária Laura Barreto e a secretária adjunta Joana D'arc, que também já estavam atrás de esclarecimentos. Foram informadas que a Chefe do RH, Dona Célia, havia afirmado já ter pago em 2015, esquecendo que o 1/3 de férias da Educação sempre é pago no ano posterior e que, depois do esclarecimento do sindicato, viu que se equivocou. A secretária solicitou que fosse encaminhado o quanto antes como orientado pelo secretário de fazenda.
Agora fica a pergunta: Como uma pessoa que há mais de 20 anos faz a mesma coisa, comete esse erro primário?
Atenção Marquinho Mendes, esses erros não serão mais aceitos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário