quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

ATENÇÃO!!!

Sepe Lagos já está pedindo esclarecimento à Prefeitura de Cabo Frio quanto ao não pagamento, até o momento, de um terço de férias dos funcionários.
SepeLagos
Diretoras do SepeLagos e Promotoria 
discutem chamada dos concursados

As diretoras do SepeLagos Denise Teixeira, Júlia Barreto e Nancy Belo – juntamente com o corpo jurídico do sindicato – se reuniram ontem à tarde com a promotora de Justiça, Marcela do Amaral Barreto de Jesus Siciliano, onde foi conversado sobre a chamada dos concursados de Cabo Frio.
A promotora disse que já foi solicitado o julgamento antecipado, com uma audiência entre o governo e o sindicato, para que possa ser feito um Termo de Ajustamento e Conduta para um possível acordo de um cronograma.
Assim que a audiência for marcada, informaremos no Blog do SepeLagos e no Facebook.
NOTA DE ESCLARECIMENTO
Rede Municipal de Arraial do Cabo
Reunião 2ª. Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva do Núcleo Cabo Frio


O SEPE – LAGOS informa que no dia 28 de janeiro, às 17h., se realizou Reunião na 2ª. Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva do Núcleo Cabo Frio na qual compareceram este sindicato e o Município de Arraial do Cabo para discussão das questões referentes à greve.
Nesta ocasião, o SEPE – LAGOS reiterou a Proposta de Acordo apresentada na Audiência de Conciliação realizada na Presidência do Tribunal de Justiça do RJ e cobrou um posicionamento do município. Os representantes do município informaram que, diante da publicação feita pelo SEPE – LAGOS após a audiência no Tribunal, o Município entendeu por aguardar o julgamento do mérito do Dissídio Coletivo.
Diante disso e em cumprimento à Ata de Reunião firmada na 2ª. Promotoria, o SEPE – LAGOS esclarece que a postagem feita no site da entidade reflete tão somente o posicionamento do SEPE – LAGOS e que o Dissídio Coletivo da Greve da Rede Municipal de Arraial do Cabo ainda não foi julgado pelo Tribunal de Justiça do RJ, não havendo decisão definitiva sobre a questão, servindo a presente para retificar qualquer entendimento em contrário, sendo certo, que o sindicato está envidando todos os esforços para demonstrar a justeza da luta dos profissionais de educação da Rede Municipal de Arraial do Cabo.
Após os esclarecimentos acima, “O Município se comprometeu a pagar os dias trabalhados referentes ao mês de dezembro e adequar o 13º salário e no prazo de 10 dias apresentará os cálculos referentes.”, bem como, “Corrigida a questão a proposta formulada na audiência da Presidência do TJRJ será reencaminhada para análise do Prefeito, inclusive que diz respeito a abertura de sindicância para punir os grevistas, até o dia 04 de fevereiro de 2015, informando ao Ministério Público o decido.” (vide ATA DE REUNIÃO).
Por todo o exposto, O SEPE – LAGOS reafirma a justeza da luta dos profissionais de educação da Rede Municipal de Arraial do Cabo e a disposição de firmar a Proposta de Acordo apresentada na Audiência de Conciliação, realizada na Presidência do Tribunal de Justiça do RJ, e conclama a Prefeitura de Arraial do Cabo a aprovar a referida proposta por ser forma de se fazer Justiça com uma tão sofrida categoria e o melhor para toda a coletividade de Arraial do Cabo.

                                                                                                          SEPE - LAGOS


quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

Atenção Profissionais da Educação de Arraial do Cabo!


Nossa greve foi legal! Não foi permitido nenhum tipo de punição por exercermos o direito constitucional de greve.
Segue a ata da audiência do TJ.






sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Atenção filiados do Sepe Lagos!!!
A agenda 2015 está à disposição, na sede do sindicato, em horário comercial.
SepeLagos
"A primeira meta da educação é criar homens que sejam capazes de fazer coisas novas; homens que sejam criadores, inventores, descobridores".
(Jean Piaget)




sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Sepe reprova contas do Ibascaf

O SepeLagos não compactuou com o absurdo da aprovação das contas do Ibascaf. O TCE apontou uma dívida do instituto de mais de R$ 1 milhão, relatado no documento abaixo.
A representante do sindicato no Conselho Fiscal, Denise Teixeira, deu voto contrário às contas, mas, foi vencida pela maioria.
O mais absurdo de tudo, segundo Denise Teixeira, foi a presidente do Ibascaf, Reuza Maria Soares, afirmar que o SepeLagos não tem representatividade no Conselho Fiscal. Absurda essa afirmação, já que a maior parte da receita do Ibascaf pertence a Educação. Ela deve ter esquecido disso!








Prefeitura de Cabo Frio não cumpre a lei!

Para fechar o ano apunhalando o servidor público, o prefeito de Cabo Frio só pagará o 13º salário dos aposentados no dia 23, quando o determinado em lei é até o dia 20. Dizer que realizou vitórias é fácil, mas cumprir a lei que dá prioridade de pagamento aos aposentados é difícil.
A nota abaixo foi divulgada no site do Ibascaf; um verdadeiro absurdo!


quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Ceia da Miséria em Arraial do Cabo














Educação realiza hoje Ceia da Miséria

Em protesto aos desmandos e a falta de compromisso do prefeito de Arraial do Cabo com os profissionais da educação, a categoria realizará hoje, às 15h, a Ceia da Miséria, na Praça do Guarani. 
O ato foi aprovado, por unanimidade, durante assembleia extraordinária na Câmara Municipal na última terça-feira.
Os educadores estão sem remuneração desde outubro e ainda tiveram o 13º salário descontado pela prefeitura.
Participe!!!
Denúncia: prefeitura de Búzios demite 
professora concursada por perseguição política

Confira a notícia completa: http://www.seperj.org.br/ver_noticia.php?cod_noticia=5898

terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Educação de Arraial do Cabo realiza Ceia da Miséria

Em protesto aos desmandos e a falta de compromisso do prefeito de Arraial do Cabo com os profissionais da educação, a categoria realizará, no dia 18, quinta-feira, às 15h, a Ceia da Miséria, na Praça do Guarani. Participe!!!
O ato foi aprovado hoje à noite, por unanimidade, durante assembleia extraordinária na Câmara Municipal.
Os educadores estão sem remuneração desde outubro e ainda tiveram o 13º salário descontado pela prefeitura.

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Errata do resultado final da Consulta para diretores das Unidades Escolares 
de Cabo Frio com as escolas que não atingiram o quórum