segunda-feira, 27 de abril de 2015

Assembleia Unificada aprova ato e paralisação

Os sindicatos dos servidores públicos de Cabo Frio (Sepelagos, AFM, SindSaúde, Sindicaf e Guarda Municipal) aprovaram, hoje à noite, em Assembleia Unificada realizada na Escola Edilson Duarte, ato no dia 30 (quinta-feira) e paralisação de todos os trabalhadores no dia 11 de maio. O resultado é uma resposta aos desmandos do Chefe do Executivo.
Os servidores reclamam sobre: o não pagamento de diversos profissionais da Educação (que não receberam salário e nem vale transporte), a denúncia sobre a demissão de quase 800 funcionários da Saúde - que pode acontecer nos próximos dias -, a situação indefinida da COMSERCAF, e querem a instituição da COMPARP (Comissão que irá discutir junto ao Executivo o reajuste salarial).
O ato acontecerá nesta quinta-feira, às 16h, na Praça Porto Rocha, com distribuição de panfletos e conscientização da população. Já a paralisação, será no dia 11 de maio, em frente à prefeitura, às 16h30min, seguida de assembleia. Durante todo esse período, os servidores usarão camisas pretas para mostrar que "Cabo Frio está de luto!".
Participe!!!












domingo, 26 de abril de 2015


Comissão eleitoral local é definida no Sepe Lagos

Na última sexta-feira à noite foi definida a Comissão Eleitoral local do sindicato. A formação ficou assim:
- Iolanda Costa 
(Maria Clara Moreira - Suplente)
- Elizabeth Rodrigues
(Liane Maria Couto Barbosa - Suplente)
- Ronaldo Lima Vaz
(Cássia Ferreira Rosa dos Santos - Suplente)
As eleições acontecerão nos dias 30 de junho, e 1 e 2 de julho.
Participe!!!


quarta-feira, 22 de abril de 2015

ATENÇÃO CABO FRIO!!!

Esse documento só mostra que a crise de Cabo Frio, anunciada pelo Chefe do Executivo, é fictícia. A Prefeitura tinha mais de meio milhão em caixa para a educação mas não pagou aos servidores. Um verdadeiro absurdo!!!
Muitos educadores continuam sem receber.
Vamos à luta!!!

Crédito da imagem: Rafael Peçanha


Sepe Lagos responde aos absurdos que o prefeito de Cabo Frio disse em reportagem à Folha dos Lagos.


Confira!!!


sábado, 18 de abril de 2015

sexta-feira, 17 de abril de 2015

ATENÇÃO FILIADOS DO SEPE!!!

Assembleia Eleitoral, no dia 24 de abril, às 18h, na sede do Sindicato.
Participe!
As diretoras do Sepe LagosDenise Soares Teixeira e Júlia Barreto, participaram hoje da entrevista na Rádio Cabo Frio AM 1530, com a comunicadora Fernanda Carriço.
 — com Denise Soares Teixeira e Fernanda Carriço.




quinta-feira, 16 de abril de 2015

ATENÇÃO, EDUCAÇÃO DE ARRAIAL DO CABO!!


Nossa luta é unificada!

Os sindicatos de Cabo Frio (SepeLagos, AFM, SindSaúde, Sindicaf e Guarda) se reuniram ontem à noite no Colégio Edilson Duarte, em Cabo Frio, e traçaram alguns pontos para reivindicação junto ao governo. Foram aprovados pelos sindicalistas:
- Criação de projeto de Lei de Iniciativa Popular com consulta aos servidores para direção do IBASCAF;
- Dar publicidade no site do IBASCAF a todos os atos do instituto;
- Abrir ação preventiva sobre a questão da aposentadoria;
- Entrar com ação preventiva para não redução do salário dos servidores;
- Acompanhamento das sessões na Câmara Municipal;
- Convocação da imprensa, semanalmente, para mostrar os problemas existentes e como está o desdobramento da pauta de negociações.


Uma nova assembleia unificada foi marcada para o dia 27 de abril, às 18h, no Colégio Edilson Duarte. Participe! A luta continua!






terça-feira, 14 de abril de 2015


Educação para em Cabo Frio!

Os profissionais da educação de Cabo Frio estão realizando hoje, paralisação de 24h, em protesto aos desmandos do governo. Logo cedo, por volta das 8h, aconteceu ato em frente à Prefeitura com a ceia da miséria – com pão e água – e, depois, todos os profissionais junto com os estudantes, foram em protesto até a Câmara Municipal onde a coordenadora geral do SepeLagos, Denise Teixeira, fez uso da Tribuna. Ela falou sobre a indignação da categoria e exigiu providências da Casa Legislativa junto ao governo.
O trânsito parou. Os manifestantes usaram palavras de ordem – “A Educação está na rua, Alair a culpa é sua!”, “Devolve o nosso dinheiro”, entre outras – e tiveram o apoio das pessoas que caminhavam pelas ruas do Centro e de comerciantes locais.
Mais de 300 profissionais da educação não receberam o salário de março. Os trabalhadores não podem pagar pela crise fictícia do governo.
Vamos à luta!
Amanhã é dia de Assembleia Unificada no Edilson Duarte, às 18h. Participe!!!

O próximo a ter o salário cortado pode ser você!